terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Evento: Leila fi Hátor

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Se vira nos 30! - Como dançar de improviso

O improviso pode ser algo natural para algumas pessoas. Já outras precisam de um pouco de prática para desenvolver essa habilidade. A boa notícia é que é possível sim aprender a improvisar.

Vamos lá. Comece escolhendo uma música que você adora dançar. Vai ser muito mais fácil improvisar com aquela música que você ama.

Antes colocar a música para tocar, pense em quais movimentos você gostaria de usar. Escolha dois passos dos quais você realmente gosta, nos quais você se considera expert. Coloque a música para tocar e... se vira nos 30! Comece a improvisar, primeiramente, tentando evitar esses dois movimentos que você escolheu. Assim, você ganhará tempo para pensar no que fazer em seguida. Quando você se sentir "sem repertório" novamente, aí sim, use os dois movimentos que ficaram escondidos na manga.


Lembre-se da "regra dos 4", que se aplica a muitos estilos musicais, incluindo a música árabe: geralmente, o mesmo padrão musical é repetido 4 vezes antes que a música mude para um outro padrão. Como dançarina, você pode repetir o mesmo movimento 4 vezes antes de passar para outro. Conforme for adquirindo mais e mais experiência, termine a quarta repetição de uma forma diferente das três anteriores para mostrar que você completou a série de movimentos e que agora vai fazer algo novo. Na primeira vez em que você fizer um movimento, a plateia não irá notá-lo propriamente. Na segunda vez, as pessoas prestarão mais atenção. Na terceira vez, a plateia apreciará seu domínio sobre a técnica e, com a quarta repetição, quando você adicionar aquela leve alteração ao movimento, dará à plateia uma ideia de conclusão. Será como um ponto final numa frase.

Quando você sentir que já está craque com a primeira música, escolha uma outra e recomece todo o processo. Pratique os movimentos até sentir que eles estão fluindo automaticamente e de maneira confortável para você em diversas músicas. Assim, você estará pronta para o próximo exercício.

Escolha mais dois movimentos. Dessa vez, não precisa escolher apenas aqueles que você já domina. Você pode optar por passos nos quais espera se especializar com o tempo. Pense nesses dois movimentos como os seus "movimentos obrigatórios". Desta vez, quando colocar a música para praticar o improviso, "obrigue-se" a realizar os movimentos obrigatórios periodicamente durante a dança. É claro que você pode continuar usando os dois primeiros movimentos de improviso. Não se esqueça da "regra dos 4" e pratique muitas vezes até incorporar naturalmente os novos movimentos à sua dança. Depois de um bom tempo de prática, esses movimentos vão se tornar parte de seu improviso naturalmente e você não vai mais precisar pensar intencionalmente em usá-los. Será automático.

Continue usando a metodologia dos "movimentos obrigatórios" para incluir mais um ou dois passos de cada vez em sua dança. Depois de adicionar cada par de movimentos, pratique frequentemente até que a dança se torne natural para você, como já dito. Com o tempo, você atingirá um ponto em que a variedade de movimentos encontrará seu próprio caminho dentro de sua dança.

As dicas acima podem funcionar ou parecer complicadas demais para um improviso. Por isso, há uma alternativa mais simples e que resume toda a ideia da "técnica do improviso": enquanto estiver dançando, deixe sua mente passear pelas várias coreografias que você já tenha aprendido e retire delas alguns movimentos para a sua dança.

E pratique. Muito.


Adaptado de http://www.shira.net/technique/improvising.htm

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Tradução: Khaleni Hadak

Tradução da música Khaleni Hadak do Ziad Borji a pedido da Samara Alves.


Khaleni Hadak - Deixe-me Perto de Você

Juro que estou completamente tomado por seu amor, oh bela
Deixe-me perto de você, coloque-me para dormir em seus braços
Coloque-me para dormir

Esqueci toda a dor,
Você me fez esquecer todo o tormento
Quero ver toda a paixão que há em seus olhos
As mais belas palavras estão em seus lábios
Seus lábios adornam as palavras que você fala

Ah, por quanto tempo as pessoas me falaram de você
E eles não podem me tirar de você
Juro que estou completamente tomado por seu amor, oh bela

Quero que você sempre me anime
E que entenda meus sentimentos
Para me proteger no âmago de seus braços do rigoroso inverno.

Letra:

انا والله بدوب بهواك يا قمر
ana walla bdoub bi-hawak ya 2amar
خليني حدك خليني غفيني حضنك غفيني
khaleeni 7addak khaleeni, ghafeeni 7odnak ghafeeni
بنسى الزعل كل الزعل حتى العذاب تنسيني
bensa el-za3al kel el-za3al 7atta el-3azab naseeny
كل الغرام بعيونك انا بدي شوفه
kel el-gharam be-3iounak ana badde shoufo
احلى الكلام ع شفافك زين لي حروفه
a7la el-kalam 3a shfafak zayyenli 7roufoh

والناااس ياما حكيولي عنك ولا اخدوني منك
o el-nas yama 7kouli 3annak, o wala 2a5adouni menak
انا والله بدوب بهواك يا قمر
ana walla bdoub bi-hawak ya 2amar

بدي ع طول تحملني تفهم احساسي
badde 3a toul te7melni tefham e7sasy
بغمرت ايديك تحميني من البرد القاسي
be-ghamret 2eedaik te7meeni men el-bard el-2asy

domingo, 12 de dezembro de 2010

Dança do Ventre Para Todos!


Eu vi um vídeo no blog Ventre Em Ebulição que me deixou impressionada! Lembra que falei da dançarina do ventre praticamente cega que dançou com bastão no evento da Heloísa Caridade? A dança do ventre realmente é PARA TODAS! A dançarina Isete Corrêa não tem um dos braços, e dança muitíssimo bem!!


Esse programa sobre deficientes que fazem várias atividades passa na TV Brasil, é o Programa Especial, eu sempre via à tarde, mas esse dia eu estava trabalhando, e não vi a matéria super interessante para nós, dançarinas do ventre, que andamos tão impactadas pela necessidade de um corpo perfeito e "desejável". A iniciativa da TV Brasil é para que percamos o preconceito que deficientes são incapacitados, que não podem ser independentes, bonitos e ativos. Todas as deficiências são abordadas, e o formato do programa é feito de modo que todos possam acompanhá-lo, independente de sua deficiência.

Isete Corrêa já é professora de dança do ventre e o fato de não ter um dos braços não atrapalha a sua desenvoltura como dançarina profissional e como professora. Ela com certeza é dos grandes exemplos que temos a admirar e acreditar que a dança do ventre enquanto arte e estilo de dança está com as portas abertas para todos os corpos, para todas as pessoas que queiram expressar em movimentos o que a dança do ventre representa de melhor. Parabéns, Isete!!

Aqui a Isete dançando no evento Reatech 2010:

domingo, 21 de novembro de 2010

A Imagem da Dança do Ventre

O que poderia nos fazer mais felizes como representantes da dança do ventre? Para mim foi conquistar o coração de uma pessoa para a dança com o argumento da arte, e não da sedução, da boa forma, do "esquisoterismo". A imagem que se vende da dança do ventre é na maioria das vezes a mais rasa possível, e em outras tantas vezes é aquela que mais a desprestigia do que prestigia. A comprovação disso vem pelas opiniões que se manifestam a respeito dela mesma.

Já aconteceu com muitas bailarinas - para não dizer com todas - é só dizermos que fazemos dança do ventre para vários olhares maledicentes apontarem para nós! Eu tenho a convicção que a grande maioria das pessoas não tem a menor ideia do que é a dança do ventre, como ela se insere na cultura árabe-muçulmana e mais ainda: como hoje ela é uma arte, possuindo regras e interesses como um estilo de dança qualquer. Ainda assim é difícil encontrar quem saiba disso, assim listei abaixo o que mais ouço desse tipo de pessoa.
Ranking dos comentários mais frequentes que me fizeram sobre a dança do ventre:
1) Você já dançou para seu marido/namorado?
2) Hummm, você faz aquele negócio com a barriga?
3) O que seu marido/namorado acha disso?
4) Ah, dança do ventre, eu já vi na televisão algo sobre o pompoarismo... (???)
5) Dança do ventre é coisa do diabo!!
6) Você não tem vergonha de ficar se insinuando na dança pras pessoas?
7) Dança do ventre dá barriga...
8) Liberte a deusa-mãe que existe dentro de você...
9) Show de dança do ventre? Uhhhhh... (olhares maliciosos ¬¬)
10) É ruim que eu deixaria minha mulher fazer isso!!

Dá pra ver pela maioria dos comentários, que as pessoas colocam a dança do ventre no mesmo patamar que o strip-tease: a dança é uma atividade esvaziada de sentido, tendo por finalidade somente o entretenimento masculino!! E sinceramente? Eu vejo várias dançarinas do ventre usando e abusando desse estereótipo para se promover! Como defender a dança do ventre como arte se aparecem aos montes esse povo que se vende como carne no açougue?

A última agora foi uma tal professora de dança do ventre discriminada que vai posar nua. Detalhe que a discriminação não partiu de nenhuma relação com a dança do ventre, mas pela "beleza" da mulher, só que aparecendo os flashes em sua porta, ela prontamente escancarou que é professora de dança do ventre para apimentar sua imagem de sex symbol, explorando obviamente a sensualidade do imaginário das odaliscas.

A dança do ventre tem uma relação com a sensualidade, mas isso não é o seu ponto principal. Hoje o que chamamos de dança do ventre agrega diversas modalidades folclóricas árabes-islâmicas e respondem muito mais à cultura do que a uma forma de expressão da sexualidade. Até o povo que diaboliza a dança do ventre não pára para pensar que quando Jesus transformou a água em vinho, deviam haver diversas proto-dançarinas do ventre animando a festa!

Essa semana eu comecei a explicar a uma amiga historiadora, que odiava a dança do ventre, o que realmente era essa arte. Para exemplificar, coloquei a música clássica Traccia para ela ouvir e fui explicando com uma meia-dúzia de passos o que significava cada momento da música, os intrumentos, o que a dançarina deveria fazer; expliquei alguns tipos de folclores, e só. Claro, essa amiga é uma pessoa inteligente, não adianta jogar pérolas aos porcos, ela prestou atenção no que eu tinha a dizer, e impressionante: ela foi buscar vídeos e informações sobre a dança do ventre de verdade, não dessas mulheres que se promovem mais com seu corpo do que com técnica. Resultado: ela mudou de opinião, agora ela admira a dança do ventre como arte, e ela ainda me deixou um depoimento incrível expressando essa mudança!! Isso me deixou imensamente feliz, me deu mais esperanças que um trabalho formiguinha pode corrigir muitos preconceitos que a dança tem por aí.

Assim fica de inspiração para a técnica da dança do ventre a dançarina Suellem dançando também Traccia. Como eu disse à minha amiga: a função da dançarina do ventre é transpor a música de forma tridimensional, é traduzir a melodia, os instrumentos com seu corpo! Vamos pensar nisso também!

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Evento: II Arabian Fest


Um show dedicado à dança masculina árabe!! Com certeza imperdível!

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Tradução: Kam Sana

Tradução da música Kam Sana da Melissa a pedido da Monique Nunes.


Kam Sana - Quanto Tempo

Minha vida passou em vão
Eu vivia antes de você chegar
Começarei uma nova vida a partir de agora
Próxima de você

Por quanto tempo eu esperei por você
Por quanto tempo procurei por você
Deixe-me acostumada com seu amor
Leve-me e me prometa que não se afastará de mim

Porque minha vida volta quando estou com você
Meu coração não acredita que te encontrou
Sinto falta do seu amor, faça-me viver
Esta é a primeira vez que eu vivo de verdade

Quando você está diante dos meus olhos
Eu fico sem fala
Suas mãos tocam as minhas
E ao seu lado esqueço de mim no mesmo instante

Por quanto tempo eu esperei por você
Por quanto tempo procurei por você
Deixe-me acostumada com seu amor
Leve-me e me prometa que não se afastará de mim

Porque minha vida volta quando estou com você
Meu coração não acredita que te encontrou
Sinto falta do seu amor, faça-me viver
Esta é a primeira vez que eu vivo de verdade

Letra:

3omri 3al Fady 3adda We Kont 2ablak 3aisha Leh

3omri Ana Menahrda Tany Ganbak Habtedeh
x2

Kam Sana Wana Mestanik Kam Sana Dawart 3alik
3awedny Be 7obak Khodny
Wa3edny Ya 3omri Mateb3ednesh
Dana 3omri Rege3li Ma3ak We Masada2 2albi La2ak
Ya Wa7shny Hawak 3ayeshny
We 2awel Mara Fe 3omri Ba3esh
x2
Wenta 2odam 3eneya Bab2a Mosh La2ia Kalam
2edak Telmes 2edeya Bansa Nafsy Ma3ak Awam
x2
Kam Sana Wana Mestanik Kam Sana Dawart 3alik
3awedny Be 7obak Khodny
Wa3edny Ya 3omri Mateb3ednesh
Dana 3omri Rege3li Ma3ak We Masada2 2albi La2ak
Ya Wa7shny Hawak 3ayeshny
We 2awel Mara Fe 3omri Ba3esh
x2

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Professoras de Dança do Ventre: Dahab


Para quem deseja fazer aulas com um dos Novos Talentos 2011 da Casa de Chá Khan El Khalili no centro e na zona norte do Rio de Janeiro, aqui fica a dica:

Professora: Dahab
Local: Asmahan Centro - Av: Rio Branco, 277, 301 D - Cinelândia- RJ e Espaço Lótus - Rua Canto do Buriti, 52 - Brás de Pina - RJ
Contato: (021) 2240-3933 (Centro) e (021) 9746-0126 (Brás de Pina)

Dahab também disponibiliza aulas pela internet e particulares!

Aqui sua aluna Yanne Melo:

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Tradução: Etla3 3a Lebnan

Tradução da música Etla3 3a Lebnan da Sarah El Badawiya a pedido da Clivanir Aparecida Filipine.


Etla3 3a Lebnan - Irei ao Líbano

Juro que irei ao Líbano, beberei Arak (bebida alcóolica destilada de tâmara ou uva) e irei me divertir
Minha cabeça está cheia das mentiras das mulheres
Juro que irei ao Líbano e beberei whisky e irei me divertir
Minha cabeça está cheia das mentiras dos homens

Juro que beberei na montanha e a vida será boa por lá
Se eu não tivesse desperdiçado a minha vida
Eu não fumaria cigarro e erva

Juro que irei ao Líbano, beberei Arak e irei me divertir
Minha cabeça está cheia das mentiras das mulheres
Juro que irei ao Líbano, beberei whisky e irei me divertir
Minha cabeça está cheia das mentiras dos homens

Juro que vou ignorar a pureza e amar uma jovem de Beirute
E vou torturá-la até que ela morra por sua arrogância.

Juro que beberei na montanha e a vida será boa por lá
Se eu não tivesse desperdiçado a minha vida
Eu não fumaria cigarro e erva

Juro que irei ao Líbano, beberei Arak e irei me divertir
Minha cabeça está cheia das mentiras das mulheres
Vou colocar em perigo e atacar a escola de comércio e perturbar seu equilíbrio
E roubarei a lua.

Juro que vou ignorar a pureza e amar uma jovem de Beirute
E vou torturá-la até que ela morra por sua arrogância

Juro que beberei na montanha e a vida será boa por lá
Se eu não tivesse desperdiçado a minha vida
Eu não fumaria cigarro e erva

Letra:

wallah la6la3 3al libnaan washrab 3ara2 w kayif
3'2li men kizb elniswaan hal dinya saar msayif

wallah la6la3 3al libnaan washrab 3ara2 w kayif
3a'2li men baani elrjaal hal dinya saar msayif

wallah la6la3 3al libnaan washrab wiskee w kayif
3'2li men kizb erjaaal hal dinya saar msayif

wallah la6la3 3al libnaan washrab 3ara2 w kayif
3a'2li men baani elrjaal hal dinya saar msayif

wallah laskur bilabya2 , ma a7laalee hal 3eeha
lo la 3umree kulu thaa3..kam seegaarah w kam ta7sheeshah

wallah la6la3 3al libnaan washrab 3ara2 w kayif
3'2li men kizb elniswaan hal dinya saar msayif

wallah la3bur 3al bayroot w aa7ib ilbayrootiya
thalni a3atzibha latmoot mn a'2arha shwaya shwaya..

wallah la6la3 3al libnaan washrab 3ara2 w kayif
3'2li men kizb elniswaan hal dinya saar msayif

wallah lahjum w a5aa6ir 3al madrasti eltijaarah
w a3aatir elmudeera w a56ufik ya samaarah

wallah lahjum w a5aa6ir 3al madrasti eltijaarah
w a3aatir elmudeera w a56ufik ya amaarah

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Tradução: Ya Rayah

Tradução da música Ya Rayah do Rachid Taha a pedido da Denise Arcari.


Ya Rayah - Oh Emigrante

Oh emigrante, para onde vai?
Por fim você terá que retornar
Quantas pessoas lamentaram por isso
Antes de mim e você

Quantas cidades superpopulosas e terras abandonadas você viu?
Quanto tempo você desperdiçou?
Quanto tempo você ainda tem a perder?
Você por acaso sabe o que está acontecendo?
O destino e o tempo seguem seu curso, mas você ignora isso

Por que seu coração está tão triste?
E por que você está aí miserável?
A dificuldade acabará e você não mais aprenderá e construirá nada
Os dias não duram, assim como sua juventude e a minha não duraram
Oh, pobre sujeito que perdeu sua chance assim como perdi a minha

Oh, viajante, te dou um conselho para seguir fielmente
Veja o que é do seu interesse antes de vender ou comprar (ditado popular da Argélia)
Oh, dorminhoco, suas notícias vieram até mim
E o que aconteceu com você, aconteceu comigo
Dessa forma, o coração retorna ao seu criador, o Todo-Poderoso (Deus).

Letra:

Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli
Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli

Chhal cheft al bouldan laamrine wa lber al khali
Chhal dhiyaat wqat chhal tzid mazal ou t'khali
Ya lghayeb fi bled ennas chhal taaya ma tadjri
Tzid waad el qoudra wala zmane wenta ma tedri

Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli
Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli

Ya msafer naatik oussaayti addiha el bakri
Chouf ma yeslah bik qbal ma tbia ou ma techri
Ya nnayem djani khabrek ma sralek ma srali
Hakdha rad el qalb bel djbine sabhane el aali

Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli
Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli
Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli
Ya rayah win msafar trouh taaya wa twali
Chhal nadmou laabad el ghaflin qablak ou qabli

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Tradução: Lessa Faker

Tradução da música Lessa Faker da Oum Khalthoum a pedido da Jacqueline.
OBS: A palavra "faker" tem o sentido de pensar, lembrar, manter em mente, refletir. A tradução dela variou conforme o contexto da frase para que tivesse o mesmo sentido em português que há em árabe.


Lessa Faker - Você ainda se lembra?

Você pensa que meu coração ainda confia em você
Ou que com uma palavra tudo voltaria a ser como antes?
Ou que um olhar traria novamente o desejo e a afeição?

Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.
Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.

Você pensa que meu coração ainda confia em você
Ou que com uma palavra tudo voltaria a ser como antes?
Ou que um olhar traria novamente a ternura e a paixão?

Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.
Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.

Em meu coração, todos meus dias foram gastos em lágrimas
E assim foi minha vida

Muitas vezes você considerou meu amor sem valor
Então cada vez mais minhas lágrimas corriam
E elas apagavam minha esperança em você
E a minha paciência

Em meu coração, todos meus dias foram gastos em lágrimas
E assim foi minha vida

Palavras, palavras!
Todas foram deixadas para trás
Meu amor desapareceu em minhas feridas

O que sofri na escuridão da noite,
Fez com que eu esquecesse a luz da manhã.

Hoje se você pergunta sobre o amor, a paixão e a ternura
Digo que eles estão no passado

Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.
Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.

Você gostou de ver meu coração sofrendo
Sofrendo por sua crueldade e pelo dias sem rumo
Você ouvia meus lamentos como se fossem música
Enquanto eu queimava no fogo de seu eco

Fogo, fogo que lentamente desmanchou nosso amor
Você gostou de me ver sofrer e preferiu a crueldade
E não o meu amor

Ah, ah, ah

Você achava que minhas noites de sofrimento e escuridão por pensar em você
Eram apenas um jogo
Mas elas eram parte da minha preciosa vida

Decidi descobrir o significado de minhas dúvidas e de minhas lágrimas
Enquanto você se satisfazia
Por me ver chateada e confusa

Diga-me
Agora que você conhece o fim, o que quer de mim?
Você desejava meu amor ou minhas lágrimas e meu sofrimento?

Hoje o amor é um "conto de fadas"
Se você me perguntar, te direi
Isso ficou no passado
Você ainda se lembra?
Isso ficou no passado.

Letra:

lisa faaker qalbi yadi lak amaan

wala faaker kilma hataeed alli kaan
wala nazra towsal ash shouq baalhanaan
lama tas'alni aqoulak kaan zamaan
kaanat al ayaam fi qalbi damowa bitjari
winta tahlaalak damowai wahi amri
ya ma haanet lak wakaanet kol mara
tamhi kelma min amaani feek wasabri
kelma lama raah alhawa waya aljaraah
walli qaaseeta fi leili atensa waya aljaraah
lesa faaker

ya ma haleet lak ahaat qalbi wahaya
min qasaawtak anta wal ayaam alayya
kont tesmaha nagham waasma sadaaha
naar tazoub jeena shouya shouya
elhawa alli haanallayya abtadeet taref ghalaawta
annahaar da alhob seera kaan zamaan
lama tas'alni aqoulak kaan zamaa
lesa faaker
walayaali kont bitsami elayaali
laba alkhayaal wahi amr ghaali
kont abaat as'al alaik zani wadmowai
winta matahni biheerti waanshaghaali
qol li eih hi elhekaaya
bad ma arefna annahaaya
anta jeet moshtaaq lahobi
wala ladmowai wa asaaya
annahaar da bad ma faat al awaan
mahma tahlef li aqoulak kaan zamaan
kaan zamaan kaan zamaan

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Evento: Noite Árabe

Para quem mora no Rio de Janeiro, esse final de semana tem evento de dança do ventre para prestigiar!

domingo, 31 de outubro de 2010

Tradução: Ya Msahar Ainy

Tradução da música Ya Msahar Ainy do Ramy Ayach a pedido da Lory Moreira.


Ya Msahar Ainy - Você Me Deixa Sem Sono

Ah, você me deixa sem sono
Você é o amor dos meus olhos
Você impactando meu coração
E eu sacrifico minha vida por você

Deixe-me ao seu lado
Sua presença me deixa reanimado
Você é minha vida e minha alma
Eu te amo

Você está me privando do sono
O melhor dia é quando o passo com você
Você é minha querida

Você é cruel com meu coração
Você é preciosa para meu coração
Mesmo quando é desajeitada e esquecida

Ahh, ahh, ahh

Pergunte sobre mim
Pergunte sobre o que aconteceu
Não posso esquecer de você nem por um segundo

Passaram-se noites
Em que eu estive acordado
Você me atormenta
E meu desejo te satisfaz

Você está me tirando a alma
Meu coração está ferido por seu amor
Aonde quer que você vá
Meu coração está com você

Letra:

Ah ya msahar 3aini
7obak 3ala 3ainy
Yam7ayar albi roo7i fedak

Ganbak khaleeni
Orbak yewaseeni
Ya 7ayati w roo7i ana bahwak (2x)

7aremli ta3m el nom ya 7abeebi 3aleek el lom
Bi 3omri a7la youm youm kont ma3ak

Ya 7alawtak wenta 3ala albi asi
Ya ghalawtak wenta 7ager w nasi (2x)

aah, ah, ah, ah,

Es2al 3an 7ali
Eh eli garali
Wala la7za abadan ana hansak

Yama layali
S7ert el layali
Shaghelni w enta 7ami redak (2x)

Ya akhed meni el roo7
Albi bi hawak magroo7
Ya 7abeebi feen matroo7 ana albi ma3ak

Ya 7alawtak wenta 3ala albi asi
Ya ghalawtak wenta 7ager w nasi (2x)

Aaaah

7aremli ta3m el nom ya 7abeebi 3aleek el lom
Bi 3omri a7la youm youm kont ma3ak

Ya 7alawtak wenta 3ala albi asi
Ya ghalawtak wenta 7ager w nasi (2x)

Aah yamsahar 3aini

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Souad Hosny

Souad Hosny foi uma das atrizes mais famosas do Egito, tendo se destacado também como dançarina e cantora. Teve um caso com o cantor Abdel Halim Hafez, e como a maioria das artistas, casou-se várias vezes. Ela fez sucesso numa época em que os filmes egípcios usavam e abusavam da dança do ventre, e muitos dos seus papéis eram de dançarina do ventre (saber dançar era um requisito para ser atriz!). Souad foi além desse quesito e também cantava muito bem, o que lhe rendeu várias músicas de sucesso (como Ya Wadd Ya Tageil regravada pela Nancy Ajram). Ela também era meia-irmã da cantora Nagat Al Saghira, que canta a música Ana Bastanak.

Souad Hosny foi "descoberta" ao cantar numa rádio e gravou seu primeiro filme aos 16 anos. Ao todo, ela fez 83 filmes. Em todos ela cantava e dançava, mas sua voz aparece muito mais do que sua dança. Ainda assim, o que eu vejo nela é aquela alegria, aquele sentimento que eu sempre procuro numa dançarina do ventre. São poucos trechos que ela realmente dança, mas quando temos essa oportunidade, ficamos envolvidos com seu carisma. Talvez seja também porque ela era extremamente expressiva, o seu talento como atriz permitiu que ela não ficasse muito atrás das dançarinas do ventre propriamente ditas. Por representar uma mistura de simplicidade e beleza, os egípcios a apelidaram de "Cinderela".

Em 2001, Souad morreu misteriosamente quando planejava lançar sua biografia. As circunstâncias de seu falecimento nunca foram plenamente esclarecidas (ela caiu do 6º andar do prédio onde morava), mas a polícia registrou sua morte como suicídio. Apesar de ter parado de fazer filmes dez anos antes de sua morte, Souad permaneceu na memória de seus admiradores, assim como permanece até hoje, pois é tida como um dos maiores símbolos da época de ouro do cinema egípcio.

Aqui uma parte de um filme em que Souad Hosny dança:



E aqui a música feita por Abdel Halim Hafez em homenagem a ela após o rompimento, pois continuaram amigos:

Tradução: Habibi Ya Omri

Tradução da música Habibi Ya Omri do Amr Diab a pedido da Daniele.


Habibi Ya Omri - Amor da Minha Vida

Amor da minha vida
Sou todo sofrimento
Se eu puder ser seu amado
Deixe-me sê-lo

Para onde vou?
Aqui estou novamente
Não te esquecerei
Nem mesmo se te pedisse para que me esquecesse

Se um dia você conseguir ter um sentimento por outra pessoa
Se um dia você conseguir ser carinhosa com outra pessoa
Acredite, não vou te culpar
Se outro amor te acolher

Letra:

7abibi ya 3omri ana kolly gera7
Law kont 7abibak sebni erta7
Ana raye7 fein.. ana rage3 tani
Ana msh hansak.. wala 2olt ensani
Law yom 7aseit bgheiri
Law yom 7aneit lghairi
Sadda2ni msh ha loumak law 2ablak 7ob tani

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Evento: Sonhos (Arabianfla)


Para quem mora em São Paulo, é uma oportunidade para assistir um evento de dança do ventre. Além da dançarina Flá Gagliardi, estão confirmadas as dançarinas Nádia, Bel, Mara, Alyne, Vanessa, Fabiana, Silvia, Sheila, Carmem, Marina, Simone, Ana Paula, Renata, Simone, Edna, Bárbara.

Aqui abaixo a participação do grupo Arabianfla na TV Gazeta:

sábado, 23 de outubro de 2010

Tradução: Akdeb Alek

Tradução da música Akdeb Alek da Warda a pedido da Emeline Valejos.
OBS: Fadel Shaker regravou essa música cantando apenas o primeiro refrão.


Akdeb Alek - Eu minto para você

Eu minto para você, eu minto para você, eu minto para você
Eu minto quando digo que ainda te amo,
E continuaria mentindo para você
Eu mentiria se dissesse que te esqueci, sussurro (khamsa = lamento das músicas que compõem este estilo, chamado tarab)
Eu mentiria para você
Então o que sou?
Diga-me o que sou
Escolha um continente para mim
E eu irei aportar por lá
Você é meu amado
Você continua sendo meu amado
Você ainda é meu amado porque eu já te amei
Diga, meu amado, diga
Oh, meu amado

Você sabe o que havia de mais belo na minha vida?
O que havia em minha vida?
O que era mais belo era você, que era tudo na minha vida

Você me prometeu e eu sonhei antes de todos os encontros
De tanta felicidade, festejei o banquete antes de seu tempo

E eu te encontrei, oh meu amado, já pronto
O amor estava a um passo
E o mundo em outro passo
As velas me viram com você, meu amado
Sem o que nos restringisse, isso mesmo nos limitou
Havia algo de novo entre nós dois
Mas agora, não é mais novidade.

Olhe para o que somos agora
Olhe para o que nos tornamos
Então o que sou?
Diga-me o que sou
Escolha um continente para mim
E eu irei aportar por lá
Você é meu amado
Você continua sendo meu amado
Você ainda é meu amado porque eu já te amei
Diga, meu amado, diga
Oh, meu amado

Letra:
akdeb 3aleek - x4
x2

akdeb 3aleek law 2olt ba7ebak lessa,
akdeb 3aleek
wakdeb 3aleek law 2olt neseetak khamsa,
akdeb 3aleek
omal ana eeh
2oly enta ana eeh
e7'tarly bar wana arsy 3aleeh
x4
enta 7abeeby , ya3ny lessa 7abeeby
wala 7abeeby , 3ashan enta 7abeeby
2ol ya 7abeeby
2ool ya 7abeeby 2ool - x2
2ool 2ool 2ool
ya 7abeeby
3aref kan agmal shee2 fi 7ayaty
eeh ya 7ayaty
kan agmal shee2 en enta kol 7ayaty
tew3edny wateer
abl el mawa3eed
men el far7a a3ayed abl el 3eed
wal2ak ya 7abeeby sabe2ny henak
wel 7ob fi eed wel donia fi eed
wel sham3 yeshofny ma3ak ya 7abeeby
men 3'eer man2eedo le wa7do ye2eed
shof kona fe eeh
we saba7na fe eeh
x4
enta 7abeeby
we7'tarly bar wana arsa 3aleeh
enta 7abeeby , ya3ny lessa 7abeeby
wala 7abeeby , 3ashan enta 7abeeby
2ol ya 7abeeby
2ool ya 7abeeby 2ool - x2
2ool 2ool 2ool
ya 7abeeby

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Dahab Chaim

Dahab Chaim é uma dançarina que não mede esforços e entrega à arte da dança do ventre. Carioca da gema, começou a estudar dança aos 7 anos com aulas de ballet clássico, ballet contemporâneo, jazz e dança espanhola. Foi em 2001 que ela definitivamente iniciou seus estudos de dança do ventre com as professoras Assiris Al Qamar e Ranaa.

Como profissional de dança do ventre, ela fez aulas com mestres internacionais e nacionais, tais como: Raqia Hassan (Egito), Randa (Egito), Jorge Sabongi (SP), Kahina (SP) e Aziza Mor Said (SP), tendo recebido de Raqia Hassan, Randa Kamel, Yousry Sharif, Amir Thaleb e Jillina em 2009, um certificado de reconhecimento pela qualidade do seu profissionalismo na dança. Em 2010, como resultado de seu empenho conquistou o Padrão de Qualidade Khan el Khalili, além de também passar a fazer parte do quadro de Novos Talentos 2011 desta renomada Casa de Chá.

Descendente de libaneses, a dança do ventre não é tudo em sua vida. Ela também é bacharel em design gráfico, pós-graduada em marketing, profissional de maquiagem e artista plástica (eu pessoalmente amo o quadro que ela fez de um shih tzu, a raça dos meus filhos caninos!). Em sua dança e em seus trabalhos se percebe a sensibilidade uma verdadeira artista.

Dahab dá aulas de dança do ventre em seu Espaço Lótus e promove workshops de dança e maquiagem pelo Brasil a fora, além de realizar diversos eventos pelo Rio de Janeiro com sua companhia de dança, Cia. Lótus. Atualmente voltou a estudar ballet para se aprimorar como dançarina do ventre.

domingo, 17 de outubro de 2010

Tradução: Habibi El Ghaly

Tradução da música Habibi El Ghaly do Ehab Tawfik a pedido da Danniele.


Habibi El Ghaly - Minha Amada Preciosa

O que está errado com minha amada preciosa?
O que está errado com minha amada preciosa?
Ela está chateada comigo?
Diga-me porque ela mudou, porque ela está chateada.

Eu quero fazer as pazes com ela
Mas ela está insatisfeita
Eu quero apenas me encontrar com ela
Ela me disse que está ocupada

Por que ela está difícil de agradar?
Ela me disse isso.

Você pergunta sobre ela ao menos uma vez por dia
E você faz coisas desnecessárias
Ficando acordado, oh meus olhos, seus olhos estão sem sono
Todo dia, todo dia, todo dia, todo dia

Ela não está sendo legal comigo
E eu não consigo a esquecer
Vá e diga a ela
Que eu não ficarei zangado, não, não

Eu irei até ela, e então?
Irei para abrandá-la
Direi a ela belas palavras
Só quero que ela me diga "sim"

Todo dia, todo dia, todo dia
Isso nãofaz sentido, isso não é certo
Não tenho ninguém a não ser ela
Minha amada do coração, não, não, não

Eles são cruéis comigo
Eu irei até ela
E vou abrandá-la
Direi a ela belas palavras
Só quero que ela me diga "sim"

Letra:

howa el 7abib el ghaly el 7abib el ghaly malo - x2
howa el 7abib el ghaly malo, za3lan menak
2ululi leih etghayer 7alo, za3lan menak

3ayez asal7o, 2olna w mesh radi
tab bas a2blo, 2olly da mesh fadi
tab howa keda leih sa3b el mara dei
be2ol enak

btes2al 3aleh mara wa7da kol youm
w btea3mel 7agat keda leih malhash lzoum
sahran ya 3aini w 3aino makhalha noum
kol youm kol youm kol youm kol youm

ah da zalmeny ma3ah wana mesh bansah
rou7o 2ululo, ah, mayiza3lesh, la la la

ana arou7lo w malo wana are7 balo
wel kelma el helwa a2olhalo bas ye2uli ah

3ayez asal7o, 2olna w mesh radi
tab bas a2blo, 2olly da mesh fadi
tab howa keda leih sa3b el mara dei
be2ol enak

kol youm kol youm kol youm kol youm
ba2a da esmo kalam la da yib2a 7aram
ana maly gheiro, ah, 7abib 2albi, la la la

ana arou7lo w malo wana are7 balo
wel kelma el helwa a2olhalo bas ye2uli ah

howa el 7abib el ghaly malo
btes2al 3aleh mara wa7da kol youm
2ululi leih etghayer 7alo
btea3mel 7agat keda leih malhash lzoum

3ayez asal7o, 2olna w mesh radi
tab bas a2blo, 2olly da mesh fadi
tab howa keda leih sa3b el mara dei
be2ol enak

btes2al 3aleh mara wa7da kol youm
[zalmeny]

btea3mel 7agat keda leih malhash lzoum
[zalmeny]
btes2al 3aleh mara wa7da kol youm
[ana arou7lo]

btea3mel 7agat keda leih malhash lzoum
[ware7 balo]

btes2al 3aleh mara wa7da kol youm
[el kelma el helwa a2olhalo]

btea3mel 7agat keda leih malhash lzoum
[bas ye2uli ah]

quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Exposição sobre o Islã no CCBB/RJ

Olá pessoas! Desculpe o sumiço, mas estou ocupada com várias coisas da faculdade e a minha vida está se resumindo a isso! Aqui fica a imensa dica para quem mora ou vai visitar o Rio de Janeiro. O CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil) está com uma exposição incrível sobre o mundo árabe-islâmico. São mais de 300 peças que vão desde o séc. VIII ao séc. XX, fazendo um apanhado geral da arte islâmica em seu início até os nossos dias.

As obras expostas vieram principalmente de dois museus: o Museu Nacional de Damasco, na Síria, e o Museu Reza Abassi em Teerã, no Irã. O acervo exposto também conta com peças do Acervo Casa das Áfricas e da Biblioteca e Centro e Pesquisa América do Sul-Países Árabes, ambos de São Paulo.
Além da exposição, o CCBB também oferecerá palestras a quem se interessar a entender mais a fundo a cultura e a história do Islamismo. Como eu estou dando a notícia atrasada, algumas palestras já aconteceram, mas vou colocar aqui as que ainda dá pra ver:

• Dia 14 de outubro | Quinta | Arte islâmica
Com a Profa. Dra. Mona Almoadin

• Dia 14 de outubro | Quinta | Tradições Populares (tradução árabe/português)
Com Profa. Dra. Maissa Ibrahim

• Dia 15 de outubro | Sexta | Islã e Brasil: narrativas e representações
Com Prof. Dr. Paulo Daniel Farah
O papel histórico da comunidade muçulmana e árabe no Brasil, do Império aos dias atuais; o primeiro relato de viagem de um árabe no Brasil, os fluxos de imigração; a participação islâmica na luta abolicionista; os processos de construção das identidades religiosas nas comunidades muçulmanas brasileiras e africanas e as conexões entre etnicidade árabe e identidade muçulmana.

• Dia 16 de outubro | Sábado | O mundo falava árabe
Com Profa. Doutora Beatriz Bíssio
Uma visão da "época de ouro" da civilização islâmica - séculos VIII a XIV - através da obra de um dos maiores historiadores de todos os tempos, Ibn Khaldun (1332-1406) e dos relatos do viajante Ibn Battuta (1304-1369), que percorreu o mundo da época e cujas memórias sobre essa experiência constituem um clássico.


• Dia 21 de outubro | Quinta, às 19h30 | Arte Contemporânea do Oriente Médio
Encontro entre artistas e curadores brasileiros e convidados internacionais. O evento será realizado no Pátio da Rua Direita.

As palestras acontecem no Auditório - 4º Andar às 19h30. Fica aqui a minha outra dica para quem puder ir no sábado, pois é a área que eu estudo e sou completamente apaixonada: a Era de Ouro do Islã!

Isso é uma sandália?hehehe

A exposição ficará aberta até dia 26 de Dezembro de 2010, e o o horário de funcionamento é de 09h às 21h, de terça a domingo! Não percam!!!

Maiores informações no site: exposição e palestras

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Tradução: Taa Khabik

Tradução da música Taa Khabik da Najwa Karam a pedido da Alessandra Prado.


Taa Khabik - Venha Que Eu Te Guio

Venha, venha, deixe-me te colocar para dormir
Venha, deixe-me te admirar
Venha e seja parte do meu sangue
Da minha alma e da minha vida

E se... Se eu morrer,
Meu coração estará feliz
E é tão fácil fazer meu coração parar de bater
Se o som dele te incomodar

Venha, venha, volte...
Meu riso se perdeu com a sua partida
Eu, eu, não estou sozinha...
Mesmo se eu não te encontrar ao meu lado

Como é doce, como é doce a solução
De você eu não me afastarei
E não irei, não te deixarei
Em seu coração ficarei pela vida inteira

Tão, mas tão apaixonada
Ele me deu estrelas
Meu coração não amará outro além de você
Você é como a Lua para mim

Você veio e me trouxe à vida, e você se foi
Isso não é mais permitido
Você deveria ter ficado em meu coração
Assim como uma alma deve ficar

Esqueça, esqueça o tempo
Eu já esqueci de mim mesma
Até minhas feridas
Em suas mãos esqueci das minhas feridas.

Letra:

تعا تعا غفيك ... تعا غلغل فيك
Ta3a ta3a ghafeek.. ta3a ghalghel feek

تعا صير بدمي و روحي و عمري كلو شريك
Ta3a seer ebdammee w rou7i w 3omri kelo shreek

و إزا إزا رح موت ... قلبي مبسيوط
W eza eza ra7 mout.. albi mabsout

وسهلي يوقف دقاتو إزا صوتا بيأزيك
W sahle wa2ef da22atou eza sawta bye2zeek

تعا تعا ... رجعا .... الضحكة لبعدك ضيعا
Ta3a ta3a.. rja3.. elda7ke leba3dak day3a

انا انا ... مش انا ... إزا حدي ما بلاقيك
Ana ana.. msh ana.. eza 7addee ma bla2eek

حلا حلا ع الحل ... منك ما بمل
7ala 7ala 3al7el.. mnak ma bmel

ولا ولا رح فلت قلبك طول العمر بضل
Wala wala ra7 fel balbak toul el3omr bdal

كزا كزا مغروم ... قدملي نجوم
Kaza kaza maghroum.. 2adamli njoum

وغيرك ما بيعشق قلبي إنت قمر الكل
W ghayrak ma bye3sha2 albi enta amr elkel

تجي تحي بتروح ... بطل مسموح
Teeji teeji betrou7.. batal masmou7

مفروض تضل بقلبي متلك متل الروح
Mafroud etdal eb albi metlak metl elrou7

بلا بلا توقيت ... انا حالي نسيت
Bala bala taw2eet.. ana 7ali nseet

حتى جروحي على إيدك نسيت إنا جروح
7ata jrou7i 3ala 2eedak nseet ena jrou7

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

O Dilema dos Figurinos de Dança do Ventre


Cada vez mais o figurino de dança do ventre tem sido um quesito com maior peso para a qualidade da dançarina... Eu disse qualidade? Pois é, isso mesmo! Estar com uma roupa de dança do ventre considerada bonita é quesito para concursos e provas de seleção! E o quesito luxo é de longe um dos mais cotados para essas avaliações.

Falar sobre isso me lembra um post antigo da Amar El Binnaz, no qual ela levou sua turma para concorrer numa mostra de dança (se não me engano), e como elas não tinham condições financeiras de arcar com no mínimo R$200 para comprar um figurino, foi roupa da 25 de Março mesmo (ou o Saara como chamamos no Rio). Sabe o que disseram na avaliação? Que fantasia não era figurino de dança do ventre!! Peraí, agora só quem pode pagar por uma roupa sinistrona que pode concorrer num evento de "dança"? Ou seria um evento de moda?

Bem, fato é que um figurino bem trabalhado "causa", e além disso uma roupa que realça seus pontos positivos e atenue os negativos chama a atenção dos espectadores, e te deixa mais confiante. Mas ela não é nada se compararmos à importância da dança, desde que a roupa não atrapalhe sua evolução ou te faça parecer uma árvore de natal ou uma mulher da vida, por que não lançar mão da simplicidade? Alguns critérios parecem tão sem sentido na avaliação dos figurinos, que nos perguntamos se a dança não fica num segundo plano. Um exemplo: uma colega minha recebeu nota baixa porque a saia estava justa na bunda! Sinceramente, o que isso atrapalha a dança dela?

A minha amiga Lina Basimah (ela abaixo) tem um talento nato para a costura, e ela mesma faz suas roupas de dança do ventre. Ela sabe distribuir bem as pastilhas, lantejoulas, paetês e gasta bem menos para fazer tudo isso! Ela não precisa pagar mil reais para ter uma roupa bonita que a faz se sentir bem e valoriza seu corpo. Ah sim, a dança do ventre expõe nosso corpo, nossas curvas, até porque os movimentos fazem com que as pessoas tenham sua atenção voltada para ele. O figurino precisa nos adornar, não somente nos cobrir, o que não importa é se ele é feito com diamantes ou com vidrilhos!

Obviamente a condição de cada uma não é igual, entretanto vale mais a pena você ter uma roupa com um material mais resistente que também fará dela mais durável, só acho um tanto fútil pensar que só se gastando os tubos se poderá ser uma dançarina do ventre de qualidade. Outro exemplo: ano retrasado comprei uma roupa luxuosa de dança do ventre num ateliê, fui toda poderosa para um evento, chegando lá, ao me olhar no espelho tinha um guria com a mesma roupa que eu!! Ahhhh! Pode parecer besteira, mas imagina você com o mesmo vestido de festa que outra pessoa desconhecida? Eu gastei R$700 para ter uma roupa com diversas cópias espalhadas por aí!

A solução para mim seria: vamos aprender a bordar!hehehe. Mas como eu não tenho paciência e talento para isso, e sei que muitas também não tem sequer tempo, acho que podemos ao menos refletir se não estamos supervalorizando o luxo nas roupas de dança do ventre, em detrimento da simplicidade com qualidade. O nosso visual tem que envolver as pessoas, mas de repente um corte diferente, um tecido mais adequado, materiais equilibrados e aquela costureira amiga poderiam dar um resultado muito bonito e melhor: exclusivo! E claro: a dança em primeiro lugar! Afinal, o que importa mais é a embalagem ou o que há por dentro?

E aqui abaixo Hanna Aisha, que é conhecida, dentre outras coisas, por fazer seus figurinos de dança do ventre.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Tradução: Bayya3 W Shater

Tradução da música Baya3 W Shather da Nancy Ajram a pedido da Aline Viana.
OBS: O nome dessa música é uma expressão idiomática, literalmente: "vendedor e inteligente", que quer dizer que uma pessoa sabe vender bem, o que para os árabes é saber lucrar e vender mais, nem que para isso ludibrie seus fregueses. No caso, a Nancy está usando este estereótipo mal afamado do vendedor para falar de seu amado.


Baya3 W Shater - Um Vendedor Sagaz

Um mentiroso
Um vendedor, astuto e conivente
Um trapaceiro, eu afirmo e ponho minha palavra nisso

Ele é um mentiroso e sempre foi,
Ele não se importa com o amor
Nem com uma vida ao lado de uma companheira

Ele é um grande traidor
E esse é o seu princípio
Ele sabe como demonstrar ciúme
A ponto de você acreditar nisso

E nessa atuação não há ninguém como ele
Ele estudou e aperfeiçoou sua técnica
Ela está me dizendo que ele se tornou um profissional
Um ator na mentira, mestre e professor

Não importa o que ele diga, você ouve
Com sua crença nele e sua entrega
Ele mente para você e você derrama uma lágrima por ele
Nas mentiras ele é mestre e professor

Ele é muito calmo
Como uma brisa suave
Ele promete de tudo
E então abandona seu amor

Letra:

Bayya3 w shater.. kaddab
Bayya3 w shater w primo
Khada3 w absom bel 3ashara
Kadab w asly 3ala adimo
Lalih fi 7obbi wala f3eshra
Khayen kibir w da mabda2o
Ya3raf yighir w tsadda2o
W fi el tamsil maloush masil
Dares w kammal ta3limo

Mahma yi2ollak tesma3lo
Wenta msadda2 w msallem
Yekdeb 3alek w tdamma3lo
Fil kezb ostaz w m3allam
Hadi awi lesmet hawa
Yew3ed awi w ysib hawa
W fil tamsil maloush masil
Dares w kammal ta3limo

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Professoras de Dança do Ventre: Darah Hamad

Para quem quer ter como professora uma das dançarinas mais premiadas atualmente do Rio de Janeiro, Darah Hamad é a nossa dica.

Professora: Darah Hamad
Local: Asmahan Centro - Av. Rio Branco 277, 301D
Asmahan Botafogo - Rua São Clemente 12, 2ºandar
Contato: (021) 2240-3933 (Centro) e (021) 2527-0704 (Botafogo)



E aqui abaixo o trabalho de Darah Hamad com sua aluna Luciene, 3º lugar no Rio Orient Festival 2010:

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Tradução: Ghareeba Ennas

Tradução da música Ghareeba Ennas do Wael Jassar a pedido da Débora.
OBS: A palavra "ghareeb" quer dizer: estranho, curioso, interessante, engraçado, no sentido de algo incompreensível. No caso da música, o cantor se refere a sua surpresa com as atitudes do seu irmão.


Ghareeba Ennas - As Pessoas São Curiosas

As pessoas são curiosas
A vida é curiosa
A pessoa mais preciosa para mim
Está agindo de forma diferente comigo

Não há sentimentos
Nem qualquer lembrança de mim
Estamos prontos e eu já desisti
Fale mal de mim se quiser

Se ao menos você considerasse um dia bonito
O qual vivemos
Não posso acreditar que haja pessoas assim nesta vida

As pessoas são curiosas
A vida é curiosa
A pessoa mais preciosa para mim
Está agindo de forma diferente comigo

Vivemos por muitos anos juntos
Eu morreria se te visse magoado
Meu olhos não se fechariam
E eu permaneceria perturbado
Até quando você sorrisse novamente

Fui paciente com você
Minhas preocupações estavam ao lado da sua alegria
Quem eu deveria perdoar: você ou eu?
Talvez Deus te perdoe

Por que falar mal de você é sempre a mesma coisa?
Não há diferença
Não há utilidade em falar mal
Tudo bem, foi minha culpa

Você pensou que eu fosse seu anjo
E eu esqueceria toda essa crueldade
Eu esqueceria você, mas não o sofrimento

Se ao menos você considerasse um dia bonito
O qual vivemos
Não posso acreditar que haja pessoas assim nesta vida

As pessoas são curiosas
A vida é curiosa
A pessoa mais preciosa para mim
Está agindo de forma diferente comigo

Letra:

غريبة الناس غريبة الدنيا ديا اعز الناس بيتغير عليا
3'reeba ennas 3'reba eddounia dyia, a3az ennas beyet3'ayiar 3layia
مفيش احساس مفيش ولا ذكرى ليا
mafeesh e7sas mfeesh wala zikra lyia
خلصنا خلاص انا ماشى وجيبها فيا
5ilisna 5las ana mashi w gibha fyia
(2X)

لو كنت عملت خاطر ليوم حلو عشناه
law kont 3malti 5ater lyoum 7ilo 3ishnah
فى كده معقول ياساتر مفيش كده فى الحياة
fi kida m32ool ya sater mafeesh kida fil 7iah
(2X)

غريبة الناس غريبة الدنيا ديا اعز الناس بيتغير عليا
3'reeba ennas 3'reba eddounia dyia, a3az ennas beyet3'ayiar 3layia
سنين عايشين بموت لو الاقى جرحك
sineen 3aysheen bamoout law ala2i gar7ak
لااغمض عين ولا اهدى الا اما تضحك
la 3'ammad 3ein wala ahda ella amma ted7ak
صبرت سنين فى همك قبل فرحك
sibert sneen fi hammak abl fara7ak
اسامح مين روح انت الله يسامحك
asame7 meen rou7 Allah yesam7ak
الومك ليه مش فارقة ماهى هى
aloomak leeh mosh far2ah ma hyia hyia
ده لزمته ايه خلاص حقك عليا
da lazmito eeh 5las 7a2ak 3alyia
فاكرنى ملاك وهنسى القسوة ديا
fakirni mlak w hansa el aswa dyia
ده انا هنساك ومش هنسى الاسية
da ana hansak w mosh hansa el asyiah

لو كنت عملت خاطر ليوم حلو عشناه
law kont 3malti 5ater lyoum 7ilo 3ishnah
فى كده معقول ياساتر مفيش كده فى الحياة
fi kida m32ool ya sater mafeesh kida fil 7iah
e
(2X)

غريبة الناس غريبة الدنيا ديا اعز الناس بيتغير عليا
3'reeba ennas 3'reba eddounia dyia, a3az ennas beyet3'ayiar 3layia

Related Posts with Thumbnails